PT

| |   |   |  

GUIA PARA A TERMINOLOGIA DOS DIAMANTES

De acordo com alguns analistas, estima-se que o mercado de diamantes sintéticos se cifre em cerca de 3 a 4% do mercado, significando cerca de 4 milhões de quilates (no ano de 2016).

Para promover uma política de transparência e confiança ao longo de toda a cadeia de distribuição até ao consumidor, nove organizações líderes do sector do diamante (AWDC, CIBJO, DPA, GJEPC, IDI, IDMA, USJC, WDC e WFDB) desenvolveram um guia sobre a terminologia que deve ser usada para descrever e apresentar produtos com diamantes, diamantes sintéticos e diamantes tratados.

 

O “Diamond Terminology Guideline”, no seu título original, serve como documento de referência para os sectores do diamante e da joalharia quando houver referência a diamantes e diamantes sintéticos. Está construído com base em duas normas (standards) internacionalmente aceites: a ISO 18323 Standard (Jewellery – Consumer Confidence in the Diamond Industry) e o Livro Azul de Diamantes da CIBJO (CIBJO Diamond Blue Book).

 

Versão do guia em português disponível em aqui.


SHARE WITH


05 · 02 · 2018